1 de out de 2008

Sistemas operacionais

Pois bem, tempos atrás resolvi dar uma pesquisada a respeito de vários sistemas operacionais alternativos ao Windows XP - como estou falando de PC, estou falando principalmente de sistemas Linux. Pesquisei muito, procurei em fóruns pela internet, li bastante e resolvi testar dois deles: o Kubuntu, que é uma distro (abreviação de distribuição) derivada do Ubuntu, só que em KDE, e o Mandriva, cuja suposta facilidade de uso me atraiu. Baixei os dois SOs e gravei em dois CDs Live (CD com o qual você pode inicializar o sistema operacional sem ter que instalá-lo, ótimo para testar sem ter que avacalhar os HDs). Coloquei o do Kubuntu no drive, tentei abrir o Live CD e nada de funcionar. Tentei algumas vezes, mas parece que os deuses da informática não estavam conspirando a meu favor. Ejetei o CD e tentei então o do Mandriva, que abriu e instalou direitinho. Inicializei o computador e me vi diante da mesma interface gráfica do Fedora (quem trabalhou na Traça sabe do que estou falando), que é, digamos, mais feia, em comparação ao Windows. Fui começar a usar para ver como era e de cara achei um problema: ele não identificou minha rede. Tentei de todos os jeitos fazer com que ela fosse identificada, mas não teve jeito; ao final, o Mandriva pedia para eu entrar em um site (?) para baixar um driver e TENTAR fazer a rede funcionar. Como eu entraria em um site sem ter acesso à internet ele não me explicou, então pensei que, se teria que reiniciar o computador para usar o Windows para acessar a internet e baixar um driver para depois rereiniciá-lo, para inicializar o Mandriva e TENTAR fazer a rede funcionar, para enfim testar um sistema operacional que já se mostrava meio torto e que era mais feio que o Windows, era melhor ficar no Windows mesmo.

Resumo da ópera: instalei o Vista e vários gadgets que me fizeram um bem danado; inclusive estou escrevendo esta postagem por meio de um deles, o Blogger Buddy, sem precisar entrar em nenhum navegador. O Vista até agora não travou (como o XP NUNCA tinha travado comigo) e eu tenho quase certeza que nunca vou pegar vírus (afinal, não basta apenas um SO inseguro para alguém pegar vírus; tem que haver alguém para apertar o enter e instalá-lo, e isso eu não faço mais).

O que eu quero dizer com esse relato pessoal, que o Linux é uma merda e o Windows é uma maravilha? Nada disso! O que eu quero dizer é que hoje em dia existem muitas opções de SOs por aí, muitas mesmo (no caso das distros Linux, literalmente centenas), para todos os gostos. Para o meu gosto, o ideal seria um Mac OS/X da Apple, mas como eu não tenho dinheiro para isso, acredito que o Windows satisfaça minhas necessidades. Não acho que quem utilize o Linux seja melhor ou pior do que eu, apenas possui características de usabilidade diferentes das minhas, que são atendidas de forma mais eficaz por tal SO. O importante é encontrar as melhores formas para utilizar seu computador, seja com programas pagos ou free, fechados ou open source; o que não dá é dizer que um programa é ruim porque é free ou pago ou open ou fechado, só por isso e pronto. Eu fiz os meus testes e cheguei à conclusão que o Vista é o que melhor atende minhas necessidades no momento. Não estou com saco para testar outras distros por ora, mas isso não impede que mais tarde eu descubra uma que me encante.

PS: Este não é um post patrocinado. Tio Gates não me pagou um centavo por eu escrever isto.

3 comentários:

André disse...

Legal é o relógio do Vista =D

Leo disse...

Foi-se o tempo que o fato do Linux ser Open Sourve era algo vantajoso... hoje em dia, alguém vai lá e "faz" um Linux, mexe daqui, mexe dali, e quando o sistema começa a de fato ficar bom, do nada alguma grande corporação de SW compra o sistema dele por uma fortuna pra vender no futuro com a marca dela. Quem então já tinha o sistema Free, se fú!

No fim das contas, até o mundo Linux vive em torno do dinheiro. Se é pra pagar, paga por um sistema amigável então!

Thiago F.B disse...

Cara...o vista é muito bom porém vc precisa de uma maquina um pouco melhor que a média ou as "baratas" do mercado em geral. Vista bom é pra quem tem ao menos 2mb de ram e com um processador duo e por aí vai...
Se vc tem menos que isso...fique no bom e velho XP!!!
Quanto ao Linux? É bacana e tem um conceito legal, mas ainda não é pra qualquer um...tem que ter um inglês legal e algum conhecimento tendendo ao avançado em informática. O que me enquadraria em intermediário...

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.