26 de jul de 2007

Convidado

Pessoal, hoje vamos ter um convidado aqui no Moldura: Nuwanda Belial. Velho conhecido meu, Nuwanda é um sujeito legal e um grande escritor. A maior parte de seus escritos é composta por poemas, e como ele não os mostra pra ninguém - tem receio de mostrá-los, coisas da timidez -, resolvi Eu Mesmo mostrá-los, então. Segue uma amostra pra vocês:

Efemeridade
Nuwanda Belial

Para que pegar um cachorro de estimação?
Para que ter alguém com quem contar?
Se o cachorro vai morrer
Se a pessoa vai partir
E a falta vai ficar

Alguém dirá que é pelo prazer do durante
Mas a dor do depois não é senhora absoluta,
Se o que sobra do amor é a sua ausência?

Qual a saída, então?
Talvez seja não pensar nisso
Não escrever sobre isso
E, por via das dúvidas,
Pegar uma tartaruga de estimação...

4 comentários:

luciano disse...

Pois é, como diriam os beatles, let'be!

André disse...

Nuwanda não é o nome de um dos caras de "Sociedade dos Poetas Mortos"?

Rodrigo Cardia disse...

Na hora lembrei do filme "Sociedade dos Poetas Mortos". Sou fã do Nuwanda.
O poema tá muito bom!

Thiago F.B disse...

Me lembro desse nome também de algumas grandes aventuras em GURPS...
hehehehe

Muito bom o poema...
abraço...
falooooooow.

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.