9 de fev de 2009

Sobre coincidências

cético - (...) que ou aquele que não confia, duvida; descrente. (...)

Eu sou muito cético. Veja bem, isso não significa que eu não acredite em nada, que eu negue tudo; apenas significa que eu duvido das coisas que não conseguem ser provadas de maneira irrefutável. Nesse sentido, uma das coisas que me deixa mais apavorado é a importância que as pessoas costumam dar aos acontecimentos que elas chamam de "coincidências". Sobre isso, existe um ótimo texto que está nesse link, e que diz tudo. É meio complicadinho, mas com paciência fica fácil de entender.

Só pra lembrar, eu não estou dizendo que coincidências não existam; apenas que muitas podem não ser, necessariamente, coincidências "mágicas", e sim apenas obra do acaso. Eu mesmo tenho muitos episódios de coincidências que são praticamente inexplicáveis, e aos quais atribuo respostas pessoais. Porém, muitas das coincidências aparentemente inexplicáveis não sobrevivem a uma investigação mais, digamos, apurada.

2 comentários:

Ana disse...

O diretor do nosso filme adora nos surpreender com coincidências...
Amoti!

André disse...

Eu tava pensando exatamente nesse assunto quando entrei no blog!

(ok, é mentira)

Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.